O que aprendi com os outros blogs!

Retirado de: http://www.acemprol.com/viewtopic.php?f=16&t=4123

Aprender. Uma das verdades mais verdadeiras deste mundo é que ninguém nasce sabendo. Então temos que estudar, sempre. Na época do conhecimento, as pessoas cada vez sabem menos (isto é retirado de uma aula de sociologia), como também, na era da informação, as pessoas cada vez a buscam menos. (outra verdade retirada de alguma aula de sociologia). Finalmente, na era da comunicação, as pessoas se comunicam cada vez menos, se afastam umas das outras para utilizarem mensageiros eletrônicos, e-mail, etc.

Um blog é um instrumento que tenta remar contra essa maré. Blogs, em sua essência, são replicadores e compartilhadores de conhecimento, e blogueiros são um tipo de usuário de computador que sabe realmente se comunicar. Lembro, quando à muito tempo atrás, estava lendo o blog da Bia Kunze, onde ela dizia que os comentários e conteúdo criado era sempre pelos mesmos usuários. Aquilo mexeu comigo, fiquei pensando dias e dias e, percebi que ela tinha razão. Por isso, resolvi criar meu próprio blog. 11 meses depois, quero compartilhar com todos, blogueiros ou não, tudo o que aprendi com alguns blogs, com algumas pessoas que conheci neste tempo de blogosfera, e deixar um pequeno guia de ajuda. Sim, para você, que pretende começar um novo blog, se seguir a estes blogs que eu recomendar, terá dado um passo muito grande para se tornar um ótimo blogueiro (a). (ao contrário de quem vos fala 😉 ). Então, vamos a lista:
  • Garota Sem Fio: Uma das referências em matéria de mobilidade, no Brasil.  A Bia é vista como uma heroína, pois conquistou o espaço em um segmento machista (a alguns anos atrás, quantas mulheres eram vistas falando de gadgets com tamanha propriedade ?). Mas, e o que aprendi com ela? Bom, a Bia nem sempre têm os gadgets mais modernos. Porém, ela sempre analisa uma compra, para não ficar com gadgets subutilizados. Portanto, seus gadgets são extremamente utilizados, e, outra coisa que eu admiro imensamente, ela  aconselha aos leitores a sempre fazer uma compra consciente. Enquanto muitos blogueiros, sem perceber, são formadores de opinião, e acabam aconselhando aos leitores a compra de aparelhos que eles não irão usar, ela não o faz, sempre alertando para as pessoas realizarem compras somente se realmente precisam. Recentemente, ela citou que utilizou um aparelho, o HTC Touch, por 3 anos. Quantos blogueiros de tecnologia passam todo esse tempo com o mesmo aparelho (Dica: eu não passo nem metade 😉 ). Só isso foi suficiente para dobrar a minha admiração pela pessoa.
  • Rodrigo Toledo: outra referência na blogosfera mobile do Brasil. Em minha opinião, o Rodrigo manteve a blogosfera mobile unida, durante os meses de ausência da Bia. E o que aprendi com ele ? Aprendi algo que admiro muito: problogger também é gente.  Eu lembro de quando eu estava iniciando na blogosfera, e recebi o primeiro comentário dele, citação, pingback, etc. Até então, eu (e garanto, muita gente têm essa visão!) probloggers são pessoas atarefadas, ocupadíssimas, descoladas, mega blaster e tudo o mais, mas nunca têm tempo para conhecer o trabalho de pessoas normais, como eu. O Rodrigo mostrou que eu estava extremamente enganado e, com certeza, existem trabalhos muito bons hoje por causa de probloggers como ele, que apóiam o bom trabalho das pessoas. 
  • Marcelo Barros: Esse é um caso engraçado. Com certeza, a maioria de nós tem os exemplos, os  “role models”. São pessoas que ocupam a posição que nós estamos lutando muito para atingir. Desde que iniciei a minha graduação, coloquei algumas metas: Trabalhar como desenvolvedor, ficar muito bom em algum tipo de programação, desenvolver aplicativos para celulares. Bem, e aí, o que acontece quando você acaba conhecendo o seu “role model”, ele visita o teu blog, te dá força, etc. ? Bem, você descobre que seus sonhos são alcançáveis, e isto só depende de você. Bem num âmbito pessoal, é ótimo ter pessoas assim para servir de exemplo. O Marcelo é isto: é o exemplo a ser seguido, por mim.
  • Franz Silva: O Franz é o aprendiz do Marcelo. Então, logo o Franz também é meu mestre ! (Vide Kamus – Cavaleiro de Cristal – Hyoga de Cisne, para aqueles que assistiram Cavaleiros do Zodíaco na infância, e se lembram disso, e nem precisaram baixar da net para relembrar 😉 ). Mas o Franz, sem querer, acabou me ensinando algo bem importante. Defender as suas opiniões. Aos frequentadores do Nokia BR, o Franz defende o iPhone, com posições claras e argumentos com conteúdo. Defender sua opinião, sem ofender a quem tenha opinião contrária é uma arte que todo blogueiro deveria desenvolver, e o Franz é uma das mentes mais avançadas que já conheci neste quesito.
  • Camila Soares: A Camila me ensinou uma coisa que nem ela aprendeu. Ela me ensinou a acreditar em mim mesmo. Simplesmente, quando um professor inicia o seu próprio blog porque gostou do seu próprio trabalho é um crédito e tanto. Você começa a acreditar em si mesmo. Quantas pessoas que seguem teu blog, você conhece pessoalmente? Acredite, ter uma pessoa que você conhece pessoalmente, essa pessa resolve iniciar o próprio blog porque gostou da idéia de compartilhar experiências e, ainda por cima, essa pessoa é sua professora, é uma experiência muito boa. Com drawbacks, como tudo na vida, mas gratificante 😉
  • Vegetando e Panaggio: O Freebird é um blog novo, mas, pode ter certeza, um dos blogs que mais me influenciaram.  Entre sublinhar o texto, para facilitar a leitura dinâmica, passando por como se fazer um review de verdade (leiam o review do N900. O melhor de todos, em âmbito nacional, em minha opinião, disparado!) e concluindo por como manter uma linguagem espartana, sem ofender ao português.  O Vegetando ainda me ensinou mais coisas, por exemplo tirar leite de pedra dos seus equipamentos, mas isto, ele ensinou em fóruns e pelo twitter dele. Enfim, se alguém quer entender o sentido completo do que é ser um blogueiro, leia o Freebird, e tudo ficará mais claro. Sim, o blog deles é realmente muito bom!
  • Claudio Martinez e Ramalho: uma vez, ainda quando cursava o SENAI, um professor disse que um profissional bem sucedido, era 80% pessoa e 20% técnico. Eles me ensinaram, simplesmente, como ser o melhor possível como pessoa. Os dois fazem algo simplesmente fantástico: eles ajudam a todos sem procurar por reconhecimento. Vou exemplificar: temos o programa Nokia Guru, onde as pessoas certificadas ganham pontos e/ou prêmios por ajudar as pessoas a resolverem seus problemas com os aparelhos. E, no Brasil, quem são as duas pessoas que mais ajudam a resolver problemas com aparelhos da Nokia? Sim, Claudio e Ramalho! Em minha opinião, são as duas pessoas que mais entendem de Nokia no Brasil. Porém, e muito mais importante que isto, os dois são muito, mas muito gente fina. E, pessoas assim, é algo bem difícil de se encontrar, ainda mais na internet!

Então, é isso. Claro, faltam muitas pessoas, existem blogueiros excelentes espalhados pelo Brasil! Caso alguém leia este artigo, e esteja com vontade de iniciar seu blog, visite todos os blogs citados, e, principalmente, inicie seu blog! A geração de conhecimento gratuito te agradece.

Anúncios

9 comentários sobre “O que aprendi com os outros blogs!

  1. Ah Mau… Se fosse só com relação ao blog a sua influência sobre mim… 🙂
    Eu era uma Camila antes de conhecer você e sou outra hoje. Eu não sei não, mas se colocarmos na balança tudo o que eu te ensinei como professora e tudo o que aprendi com você como amigo e companheirão, acho que saio na vantagem!!! Você me acrescentou muuuuito conhecimento e experiência. Como comentei com o Marcelo Barros ontem, antes de conhecer você eu achava que celular só servia pra fazer e receber ligações!!! rsrsrs… Esse foi o primeiro de muitos conceitos e paradigmas errados ou até inexistentes que você conseguiu derrubar da minha mente, não só na área de tecnologia e mobilidade, mas também em muitas outras áreas da minha vida.
    Você é um ser humano incrível que sempre foi e continuará sendo o meu maior incentivador e inspirador. Muito obrigada por isso.
    Que o seu sucesso seja expresso por uma progressão geométrica!!! rsrsrs… ;)… Você merece…
    Muitos beijos, Mau.

  2. Sobre a Bia Kunze, ela realmente deixa claro como é importante fazer uma escolha consciente. O que ela apresenta no blog é realmente fruto daquilo que ela vive e segue, tanto no que diz respeito a produtividade quanto a escolha de aparelhos. Outro ponto muito importante é a forma como ela trata as pessoas. Em poucos e-mails que acompanhei, enviados por outra pessoa, o tratamento que ela deu, mesmo sendo um “estranho”, foi digno de um amigo.

    A colocação sobre o Rodrigo Toledo foi perfeita. Nem tinha me dado conta, até ler o post, de que foi uma espécie de “segurador de pontas” na ausência da Bia. Mas não que ele tenha um papel de coadjuvante nisso tudo. Longe disso. Não é por acaso que ele é tão bem reconhecido e está envolvido em eventos e momentos importantes envolvendo mobilidade e tecnologia.

    O Marcelo Barros comecei a “acompanhar” tem pouco tempo. Depois que o descobri e vi que tudo o que ele faz — contribuições como softwares desenvolvidos, materiais de auxílio a desenvolvimento, como documentações e tutoriais, e outras participações — fiquei realmente espantado (sem nem falar do lattes 😛 ). Definitivamente um grande exemplo.

    Tanto o blog do Claudio Martinez quanto o do Ramalho eu sigo tem um bom tempo. Sem dúvida são fontes importantes de informação. Do Martinez, um dos posts “recentes” mais marcantes foi o que ressalta os problemas envolvidos no programa Nokia Guru. Do Ramalho não consigo deixar de notar o trabalho bem feito na construção do blog, na qualidade dos recursos mostrados (design, fórum, etc.), que somados à qualidade do conteúdo, deixam o leitor à vontade para absorver os conceitos.

    Falando agora do Engenharia e Gadget, do qual eu e Panaggio pudemos descrever brevemente no BlogRoll, é outro exemplo a ser dado. Quando comecei a me deixar envolver pelo N800 pude encontrar o blog e passar a ser assinante do RSS. Entre alguns dos diferenciais e das grandes contribuições que este blog dá estão o fato de ele agregar a experiência dos seus diferentes perfis (estudante, engennheiro, usuário, jogador, etc) ao uso de aparelhos, programas e acessórios. Os posts têm um bom olhar crítico quanto à utilidade que eles têm e mostram bem as situações em que eles podem ser úteis. Isso ainda te faz ir atrás das soluções de problemas que podem ser o de várias pessoas e como resultado a apresentação delas é bem adequada.

    A percepção sobre a relevância de dispositivos que não tão recentes ou com menos prestígio, como N95 e dingoo, mostram como é possível ter opções acessíveis que podem satisfazer às necessidades existentes em diversas situações. Entre contribuições mais específicas, dicas sobre como manter o blog (como exemplo, esse post e outros que falam, entre outras coisas, sobre planejar e ter conteúdo guardado para falta de tempo ou criatividade), a caracterização do seu curso, o post do impostor, e vários outros.

    Sobre a presença do FreeBird neste post, não sei como mostrar o sentimento de orgulho, satisfação, ok, nem estou conseguindo caracterizar o quão gratificante é. Acho que já disse isso uma vez, mas a importância desse comentário é ainda maior porque este blog que serviu como inspiração para tentar expor as idéias discutidas em fóruns ou com amigos.

    Vou parar com por aqui antes que meu exemplo de falta de etiqueta em um comentário fique mais nítido 😛

  3. Obrigado pela referencia Mauro, me lembro da primeira vez que visitei seu blog logo no inicio na época do boom de vendas do N800, logo de cara vi que seu potencial, conhecimento e vontade de escrever, seriam a receita do seu sucesso e eu não estava errado, a prova está ai.
    Toda vez que sai um post novo eu passo para dar uma lida e quando o assunto é do meu domínio eu comento. O segredo do sucesso é, escrever sobre o que gostamos e com qualidade sem se preocupar com a quantidade ou obrigação de postar qualquer coisa só pra não passar o dia sem nenhum post, e isso você aprendeu, quem acompanha seu blog desde o inicio comprova.
    Forte abraço Mauro e continue a falar do N800 pois aprendi muita coisa com você e acabei de comprar outro heheheh.

  4. Caro amigo,

    Primeiramente, obrigado pela citação!
    Sinceramente só tenho que lhe agradecer pelo conteúdo do blog, o conheci através do Claudio Martinz quando comprei o N800 (a febre de 2009). Foi neste blog que dei meus primeiros passos no mundo Maemo.

    Um grande abraço e sucesso sempre!

    Em tempo, obrigado Vegetando pelo comentários!

  5. Nossa, quantos elogios, só me resta agradecer ! O que mais me chama a atenção é que estão todos muito próximos, a um ou dois saltos de amizade (fulano que conhece ciclano que é amigo de beltrano). Interessante, teremos muitas histórias para contar nos próximos anos 🙂
    Já dá para organizar um encontro !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s