Saudosismo …

Vemos como estamos envelhecendo quando começamos a ter saudade do que já passou. Eu tenho saudade do prompt do DOS ! 😉

Nos idos de 90  meu pai comprou o primeiro computador pessoal de nossa família, um PC AT 386 DX 40MHz, com 4 MB de RAM, um HD de 210 Mb e um monitor monocromático. Um assombro para a época. Mas um pente de memória queimou, e nesse época, eles trabalhavam aos pares, portanto, fiquei com 2 megas de Ram por muito tempo.

Existiam alguns jogos que surpreendiam. Eu jogava muito jogos como Street Rod, Stunts, Chuck Yeager Air Combat, Wolfestein, Street Fighter II (todo zoneado inclusive, parecia o famoso da rodoviária!). Só que nessa época, a memória RAM era bem limitada. Os PC´s XT e AT 286 tinham, no máximo, 640kb de RAM. O DOS, sistema operacional, ficava carregado nelas. Após isto, alguns 286´s evoluíram, podendo ter maior quantidade de memória. Para manter a compatibilidade, a memória a partir dos 640kb era tratada como memória alta, e existiam instruções especiais para o sistema operacional de como utilizá-las. (a famosa frase “O DOS está carregando o HIMEM.SYS” vem daí – High Memory!). Só que os jogos mais modernos, contavam com um gerenciador de memória próprio, chamado DOS/4GW que também tinha que ser carregado na memória baixa, para liberar a alta. O que você tinha que fazer ? Editar todo o arquivo CONFIG.SYS na unha, ativar o himem e o EMM386, fazer o DOS carregar na memória extendida, liberar o máximo de memória possível carregando o mínimo de drivers. Só que os jogos mais antigos necessitavam de drivers, como um para o mouse. Mais trabalho manual: a melhor maneira era fazer um arquivo config.sys e o autoexec.bat com menus, para carregar a melhor configuração para cada uso. Uma para jogos antigos, uma para jogos mais modernos e outra para o Windows 3.1 ou 3.11 .

O mais legal é, que nessa época, eram poucos os usuários de PC, mas o conhecimento era maior. Na época, muita gente conhecia pelo menos alguns comandos básicos de linguagem de programação, os viciados em jogos, como eu, sabiam de cor os comandos para fazer um arquivo .ARJ ou .ZIP em vários disquetes (necessário para copiar os jogos e aplicativos) e editar, de forma básica, os arquivos autoexec.bat e config.sys . Em suma, éramos poucos usuários de PC, mas éramos interessados.

Esta época foi de sofrimento para minha família, pois ficamos muito tempo juntando grana para comprar esse PC. Meus pais se sacrificaram para que eu e minha irmã tivéssemos contato, desde novos, com computadores, pois eles enxergavam que isso seria algo necessário no futuro. Hoje, PC´s são parte do cotidiano, mas não era assim no início da década de 90.

Alguns anos depois e começa o contato inicial com a internet. O Netscape Navigator é o melhor navegador conhecido, e o IRC é onde você bate papo na internet. Aqui também inicia outra tendência: a dos emuladores. O difícil era encontrar as roms. Eu me lembro quando meu amigo utilizava a conexão do seu trabalho, e um drive ZIP para copiar uma rom do Neo Geo por dia! E a vantagem que a gente tinha, de ficar treinando no PC durante a semana (sim, eu já tinha joystick!) e jogar nos fliperamas no final de semana. Ah, e dava pra entender as conversas no mIRC, mesmo com economia de letras e acentos.

Até que eu conheço o Counter Strike e entro em férias digitais. Foram alguns 2 ou 3 anos, onde a minha utilização de computador era basicamente CS e Elifoot.

Até que volto a utilizar a internet. Vejo o tal do msn, o tal do orkut, um monte de fórum e blogs. A informação tá aí, fácil, pra todo mundo! Pensei, finalmente, hoje (2004), a informação tá aí pra todo mundo, é só entrar no Google!

Aí que me decepcionei. A informação tá lá, disponível para todos, realmente! Mas, onde está a vontade de todos ?

Roms de emuladores: na década de 90, era difícil achá-las. A melhor maneira era encontrar no IRC, em canais e, principalmente, na EFNet. Mesmo assim, era tudo fora do padrão. Hoje, existem ferramentas como o GoodROM, e romsets preparadas. E o que nós vemos ? “Meuw, passa o end de onde baixa a rom. Valeuw” E é isso. As pessoas têm preguiça de entrar no Google, e digitar o nome da rom desejada e o sistema!

Existem muita coisa que é necessário um par de “cojones” para fazer. Normalmente, os desbravadores abrem o caminho para os novatos. E isso é normal, existem os que inventam, os que testam, e depois a comunidade usufruir. Isso eu acho normal e saudável. Algumas dúvidas, também, o cara já foi atrás pra resolver. Mas hoje eu fiquei desmotivadíssimo: entrei no site do Ramalho, estava vendo alguns tópicos. Eu vejo que, para cada post dele, têm 50 comentários no mínimo. 3 ou 4 com dúvidas legítimas, de pessoas que foram atrás pra resolver e não conseguiram. As outras ? Bem, são pessoas que nem leram o que ele acaba de escrever, pois todas as respostas estão no texto! E isso desperta o sentimento de saudade … Saudade daquele tempo onde a informação era escassa, por isso, as pessoas realmente corriam atrás e se interessavam. Hoje, com tanta informação por aí, as pessoas perderam a motivação para resolver as coisas …

Afinal, sempre têm alguém pra responder para elas.

Anúncios

3 comentários sobre “Saudosismo …

  1. Saudosismo “virtual”
    Como a tecnologia avança muito mais rapidamente do que a ética, as inovações tecnológicas tornam-se rapidamente, ou quase momentaneamente obsoletas.
    Se você que é muuuito jovem está desmotivado,imagine a minha geração que é do tempo de buscar informação na biblioteca da vizinhança,pois,poucos tinham acesso a livros em casa.
    Quanto a não ler o texto e querer saber a resposta imagine como fica o professor ao propor uma reflexão e o aluno perguntar:-“onde eu vou usar isso?”Como se tudo na vida só valesse apenas pelo uso que tem. Pensar é a nossa maior qualidade, ainda. Ou seremos dominados pela MATRIX. A maioria já está…
    Abraços,

  2. Eitha tempo bom.
    Nao tenho muita lembrança pq ah muito não uso, mas ainda lembro dos comandos mais basicos. Muito bom mesmo. Sabe que estava falando com meu cunhado estes dias sobre a tecnologia antigamente e hoje? Poucos usavam, mas sabiam fazer as coisas, enquanto hoje, todo mundo sabe entende, mas só se for pra ir clicando. E quando começaram a vender os cds do windows98 nos camelodromos da vida? Todo mundo virou tecnico em informática. Qualquer probleminha, e o diagnostico era: vamos formatar e instalar de novo que resolve este problema. kkkkkk

  3. Puts, cara, eu identifiquei-me completamente nesse post.
    Meu primeiro PC também foi um 386, mas era um pouco mais
    possante, hehe. Morro de saudade da época do IRC e outras coisas. Também tenho o mesmo sentimento em relação à informação e os novos usuários. Enfim, parabéns! ¶;D^

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s